Quem calcula o peso máximo de segurança de uma ponte? Quem estima a força do vento que um armazém pode suportar em uma tempestade? Quem avalia a resistência de um edifício em caso de terremoto. A resposta para cada uma dessas perguntas é um engenheiro estrutural. Da magnitude dos tremores aos ventos fortes, é a engenharia que garante a durabilidade e total segurança de todas as estruturas.

Além da segurança funcional, a engenharia civil também define o uso eficiente de todos os recursos do edifício. É um engenheiro que calcula o grau ideal de um material que seja funcional, seguro e não economicamente proibitivo. Eles realizam essa tarefa enquanto trabalham em colaboração com arquitetos para garantir que a estética do projeto seja atendida. Colocado de forma concisa, a engenharia se amalgama:

  1. apelo visual

  2. função prática

  3. recursos orçamentários

Uma compreensão mais profunda da engenharia estrutural

Os dois princípios que orientam a engenharia são a matemática e a física. É quando as leis físicas são consideradas de mãos dadas com a pesquisa empírica que a resistência e a capacidade de qualquer material podem ser estimadas. Além disso, a geometria deve ser levada em consideração para determinar a solidez de um edifício. Projeto e análise são os elementos centrais da engenharia.

A pesada responsabilidade dos engenheiros estruturais

Um subconjunto de engenheiros civis e gerenciamento de projetos, engenheiros estruturais têm a responsabilidade de:

  1. projetando grandes edifícios como túneis

  2. estimando a integridade física de estruturas como pontes

Seu dever está longe de ser o de um arquiteto. Enquanto a arquitetura tem tudo a ver com tamanho, forma, aparência e funcionalidade, os engenheiros estruturais trabalham singularmente em aspectos técnicos. É obrigação de um engenheiro estrutural trazer a visão de um arquiteto para a realidade.

Os inúmeros chapéus de papel que eles usam

Mecânica. Física. Matemática. Resolução criativa de problemas. habilidade conceitual 3D. Todas elas são habilidades que um engenheiro estrutural deve ter imperativamente. Mas os diversos chapéus que eles usam não se limitam a essas capacidades. Os engenheiros estruturais têm um poço de qualidades que incluem:

  • Suporte em Design

Eles desempenham um papel crucial no planejamento de elementos individuais de uma estrutura e do todo. Sua função principal é o projeto e dados detalhados sobre:

  1. Pisos

  2. feixes

  3. Fundações

  4. Tipo de telhados

  5. Retenção de parede

  6. Quantidade de aço

  7. Calculando o estresse

  8. Suspensão de pontes

É seu papel de projeto que garante que a viga, as colunas e a fundação possam suportar a carga de toda a estrutura.

  • Análise de Material

A tecnologia deu origem a projetos intrincados que empregam uma amálgama de material de construção para criar edifícios modernos. Usá-los efetivamente e garantir a resistência, confiabilidade e segurança da estrutura é tarefa dos engenheiros estruturais. Eles analisam os diferentes materiais disponíveis e decidem a especificação de cada um. Eles estimam a necessidade precisa e detalhada das substâncias, tendo em mente códigos, regulamentos e características que o cliente exige.

  • Investigação do local

O primeiro passo para qualquer projeto de construção é uma investigação abrangente do local onde a construção ocorrerá. É trabalho do engenheiro estrutural fazer o levantamento do local. Eles investigam se o local é adequado para construções e se a terra está apta para a próxima construção.

  • Segurança dos Trabalhadores

Quão estável é um edifício quando confrontado com cargas estáticas ou dinâmicas é um dos papéis mais aparentes de um engenheiro estrutural. Mas o elemento de segurança não é apenas após a construção do projeto, ele também é incorporado durante a construção. Quando os engenheiros planejam o projeto, eles garantem que os trabalhadores, trabalhadores e visitantes do local estejam sempre seguros. Eles tornam o edifício menos perigoso e descomplicado.

  • Coordenação com outros

UMA consultores de gerenciamento de projetos exige a colaboração de muitas profissões diferentes. É responsabilidade do engenheiro estrutural comunicar as necessidades e coordenar as operações. Eles devem estar em contato constante com:

  1. Engenheiros

  2. arquitetos

  3. paisagistas

  4. cientistas ambientais

  5. Órgãos governamentais e autoridades que inspecionam o edifício

  • Um chefe administrativo

A única capa final que os engenheiros estruturais precisam colocar é a de um gerente. É sua tarefa verificar a entrega de cada material de construção e certificar-se de que corresponde às especificações definidas. Eles também ficam de olho no equipamento necessário durante a construção. Além disso, eles supervisionam e gerenciam todo o trabalho envolvido no local.

De que treinamento os engenheiros estruturais precisam?

Um curso de graduação em uma disciplina de engenharia seguido de qualificação profissional sob a Instituição de Engenheiros Estruturais. A carreira exige o cumprimento de padrões rigorosos e imensa experiência prática. Uma vez que um engenheiro entra em campo, ele precisa treinar e aprender para o resto de sua profissão. É vital porque a indústria está continuamente atualizando materiais e métodos de construção. Qualquer indivíduo que tenha o prazer de investir tempo e dedicação no campo se destacará no setor com projetos interessantes lançados em seu caminho.

É o mundo de um engenheiro

Dito de forma sucinta, o mundo da construção e aquele em que vivemos é uma ostra do engenheiro. Sem eles, não teríamos túneis que quebrassem a monotonia do trânsito ou pontes que atravessam quilômetros de rios e oceanos. É a engenharia estrutural que casa dinamicamente a física com a matemática para produzir edifícios incríveis com o melhor design possível.



Source by Uma Nathan

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.